Com suspeita de fraudes, Prefeitura bloqueia 14 mil cartões do Bolsa Família

A prefeitura de São Paulo recebeu orientação do Ministério Público Federal (MPF) para cancelar o pagamento de benefícios do Bolsa Família sob suspeita. O sistema identificou 34.255 pessoas que podem estar recebendo os benefícios indevidamente somente na cidade de São Paulo. A prefeitura bloqueou o repasse de 14 mil benefícios e está procurando cada beneficiário por carta e visita ao endereço cadastrado para apurar as suspeitas do MPF.

Os casos com a irregularidade confirmada serão encaminhados ao Ministério Público Federal para investigação cível e criminal.



Relacionados