Prefeitura não quer aumentar a tarifa básica do ônibus, diz Avelleda

O secretário municipal de Transportes, Sérgio Avelleda, disse em entrevista à rádio Estadão que a prefeitura não deve aumentar a tarifa básica de ônibus na capital, hoje em R$ 3,80. Segundo o secretário, os esforços da prefeitura estão em reverter a decisão judicial que impediu o ajuste no valor de integração.

“Não estamos estudando isso neste momento (aumentar a tarifa básica). Estamos focados em convencer o Judiciário de que o ajuste que fizemos no desconto da tarifa integrada foi a solução que melhora a saúde financeira do sistema e que menos penaliza a população neste tempo de crise”, disse o secretário à Rádio.

É importante lembrar que apenas 13% dos passageiros de transporte público da capital utilizam a integração, tornando esta a solução mais viável para a saúde financeira do sistema e para menor impacto no bolso do cidadão.



Relacionados