25/01/2017


O prefeito João Doria afirmou que o Carnaval de 2018 deverá ser o último carnaval público de São Paulo. Isso porque o prefeito pretende privatizar todo o complexo do Anhembi, tirando da prefeitura a despesa de manter o espaço.

Doria cortou os gastos com comida e bebida no camarote da cidade. Para consumir, pessoas tiveram que pagar. Os custos com o camarote caíram de R$ 2,7 milhões gastos por Haddad para 130.000 reais.

 

 

“O tempo da mordomia acabou”, disse o prefeito.

Privatização

Com a privatização, prefeitura pretende levantar grande volume de recursos e direciona-los para áreas essenciais como saúde, educação, habitação e segurança urbana.