27/03/2017


Após mais uma rodada de ofensas de Ciro Gomes ao prefeito João Doria, prefeito paulistano retruca o ex-governador cearense.

Ciro Gomes (PDT-CE) “devia se preocupar é com o estado dele, primeiro o pessoal, de saúde mental, depois o Ceará, que é o Estado que ele representa”, disse nesta segunda-feira (27) o prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB).

Ciro chega a dizer que Doria, quando chefiava a Embratur, incentivou o turismo sexual no Brasil com propagandas mostrando mulheres na praia.

“O ex-governador [do Ceará] não é exatamente a pessoa mais indicada para falar das questões das mulheres, né? Ele tratou a esposa como tratou, não é exatamente uma pessoa que tem perfil e autoridade pra falar sobre isso.”


Doria se referia ao caso de 2002, quando Ciro disse que sua então esposa, a atriz Patricia Pillar, tinha um dos papéis mais importantes na disputa: “Dormir comigo”.