Doria quer empresas consertando semáforos em até 2 horas

23/03/2017

O prefeito João Doria lançou nesta quinta-feira, 23, um edital para manutenção permanente dos cerca de 6 mil semáforos da cidade de São Paulo. Empresas serão obrigadas a arrumar os semáforos em até duas horas em caso de semáforos apagados e amarelo piscante. O problema é muito comum na cidade, principalmente em épocas de chuvas.

O novo edital, no valor de R$ 81 milhões, terá três lotes e as empresas terão contrato válido por um ano com a cidade, podendo ser renovado. Caso não cumpram com termos do contrato, incluindo o conserto de qualquer semáforo em até 2 horas, as empresas serão multadas pelo poder público em até 20% do valor da ordem de serviço.

 

[Ad-Sense-B]

 

“O que nós estamos fazendo é um ataque direto a essa questão dos semáforos em funcionamento hoje, para que a gente possa deixar toda essa estrutura semafórica com um funcionamento adequado para o nosso sistema viário“, afirmou o presidente da CET, em entrevista ao Bom Dia São Paulo, da TV Globo.

O edital prevê ainda a troca de peças, manutenção geral, instalação de no-break (que funciona por algumas horas no caso de interrupção de energia elétrica) e conserto em caso de roubos de fios, entre outros serviços.



Relacionados