31/03/2017


Segue o trabalho de instalação do “Corredor Verde” na Avenida 23 de Maio. O Viaduto Tutóia é o primeiro a receber cerca de 30 espécies de plantas numa área de 1.439 m². Até o fim de junho, outros seis trechos da avenida serão beneficiados pela iniciativa.

O projeto ocupará, no total, uma área de 10.950 m² de extensão na avenida. Fazem parte dos muros públicos que receberão as instalações os viadutos Santa Generosa, Beneficência Portuguesa, Pedroso, São Joaquim, Tutóia e Jaceguai.

O custo para cobertura de toda a extensão é cerca de R$ 9,7 milhões e o trabalho será concluído em julho. As equipes encarregadas do projeto estão autorizadas a trabalhar de segunda a sábado, das 22h às 5h, e das 14h de domingo às 5h de segunda.


O Viaduto Tutóia já recebeu a instalação da irrigação e, em breve, terá início o plantio das 30 espécies de plantas e folhagens, como manjericão, coração magoado, alecrim, brilhantina, tapete inglês, orégano, salsa íris, coleus, entre outras, que também farão parte da estrutura dos demais viadutos que integram o projeto.
A execução do projeto será feita pelo Movimento 90º, especializado em jardins verticais. Serão utilizadas no Corredor Verde mais de 251 mil mudas de plantas. As estruturas dos painéis serão feitas com 163,7 toneladas de lixo reciclado e, quando concluídos, os jardins irão capturar 66,8 toneladas de CO2. Existe também a expectativa de redução de ruídos na região, o que será medido posteriormente.

Relacionados