Haddad deve R$ 124 mil ao PT e não poderia ter disputado reeleição 

03/04/2017

O ex-prefeito Fernando Haddad nem poderia ter disputado a reeleição no ano passado. O petista deve ao próprio partido R$ 124 mil de contribuição partidária obrigatória. Segundo a coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo, o ex-prefeito teve que fazer um acordo com o PT para poder se manter na disputa.

A assessoria de Haddad confirma valor da dívida.

A inadimplência, em tese, também o impede de votar na eleição que vai definir, este ano, os nomes dos novos dirigentes da legenda, diz a coluna.



Relacionados